Checklist de inverno para uma pele hidratada e radiante

Confira alguns cuidados essenciais

27 de maio de 2016 por Luciana Marques

Quando o frio chega, não nos damos conta de como ele afeta nosso corpo e principalmente nossa pele. Aos poucos, os primeiros sinais começam a surgir: a pele se torna mais ressecada e sem brilho, os lábios podem descamar, os cabelos ficam oleosos. E com esse tempo mais frio as nossas clientes começam a faltar dos tratamentos.
Primeiro precisamos saber quais são os problemas de pele que podem aparecer por causa do ressecamento da pele: a dermatite seborreica, dermatite atópica e a psoríase.

Dermatite seborreica
Ocorre principalmente na região da cabeça e face. É uma descamação da pele causada pelo ressecamento. As manifestações mais frequentes são caracterizadas por intensa produção de oleosidade, descamação e prurido (coceira) A caspa pode variar desde fina descamação até a formação de grandes crostas aderidas ao couro cabeludo. A coceira, que pode ser intensa, é um sintoma frequente nesta região e também pode estar presente com menor intensidade nas outras localizações.

Dermatite atópica

Quem sofre de atopia pode apresentar também asma ou rinite alérgica. O principal sintoma é a coceira, que pode começar antes mesmo das lesões cutâneas se manifestarem e podem atingir a face, tronco e membros. Na infância as lesões são avermelhadas e escamam. Nos adolescentes e adultos, as lesões localizam-se preferencialmente nas áreas de dobras da pele, como a região posterior dos joelhos, pescoço e dobras dos braços. A pele destes locais torna-se mais grossa, áspera e escurecida.

Psoríase
Atinge igualmente homens e mulheres, principalmente na faixa etária entre 20 e 40 anos. Fenômenos emocionais são frequentemente relacionados com o seu surgimento, provavelmente atuando como fatores desencadeantes de uma predisposição genética para a doença. Mas a real causa da psoríase ainda é desconhecida.

Cada pele tem uma necessidade e, por isso, deve ser tratada de uma maneira especial. A do adulto e do idoso é diferente em hidratação, por exemplo:
• Os idosos possuem menos água na sua pele, por isso ela tende a ser mais ressecada;
• Os adultos possuem um percentual de hidratação na pele, porém este pode ser alterado devido a algum fator e a pele ficar desidratada.

Você sabe quais são os tratamentos mais indicados para o Inverno?

Tipos de tratamentos
 Procedimentos com laser;
 Procedimentos com luz pulsada;
 Depilação definitiva;
 Peeling de diamante;
 Peeling de cristal;
 Peeling químico;

Qual a alimentação mais adequada para essa época do ano?
Orientar sua cliente te uma dieta rica em legumes, hortaliças e frutas, esses alimentos são fontes de vitaminas e minerais que neutralizam os radicais livres prevenindo o envelhecimento da pele. As frutas ricas em vitamina C, como o morango, a laranja, a mexerica, o limão, a cereja, entre outros; vegetais, como o brócolis, o repolho, a cenoura, entre outros, são exemplos de alimentos para a estação.
Durante o inverno, é muito comum diminuir a ingestão de água, um erro brutal. E nós como profissionais de estética devemos orientar nossas clientes a manter a ingestão de água, é extremamente importante para manter a hidratação da pele e de todo o organismo que naturalmente fica debilitado por causa do clima frio. Um corpo hidratado apresenta uma pele macia e elástica. Se sua cliente não é muito fã de água, durante esta estação, uma dica é tomar chás claros ( ervas ou flores) ou de frutas. Divida a quantidade que é indicada para um dia, ou seja, 2 litros entre água e chás.

Sugestão de Revitalização Facial Natural para peles desidratadas pelo frio:
Passo a passo

1- Limpar a pele com leite de limpeza que contenha ativos como: enxofre, extrato de hamamélis e salvia.
2- Para peles maduras: realizar uma ionização com vitamina C, DMAE e ácido hialurônico.
Para peles secas: a ionização é substituída por uma máscara de farelo de trigo com água termal.
Para peles oleosas: máscara de argila rosa com óleo essencial de sândalo.
3- Massagem facial com pindas herbais (feitas com ervas naturais como: camomila, lavanda, alecrim e jasmim) previamente aquecidas, a uma temperatura agradável ao seu cliente.
4- Aplicar uma máscara gelificada e deixar por 10 minutos
Peles normais: máscara com polifenóis de uva.
Peles secas: Vitamina K.
Peles Ressecadas: com óleo de macadâmia.
Peles Oleosas: máscara com óleo essencial de bergamota.
5- Massagem revigorante com a própria máscara
6- FPS

Dicas para você orientar sua cliente a manter a pele sempre linda e hidratada:

• Beba no mínimo 2 litros de água.
• Evite banhos quentes e muito demorados; evite se ensaboar demais e usar buchas, que também contribuem para alterar a composição do manto hidrolipídico que protege a pele.
• Use o hidratante logo após o banho – ainda no banheiro – com aquele vaporzinho pós-banho, pois ajuda na penetração do creme.
• Se pele for oleosa, e acneica, evite hidratante comum no rosto, use oil-free nas áreas de maior oleosidade (rosto e tórax).
• Os lábios também costumam ressecar muito no inverno. É importante usar hidratantes labiais para evitar rachaduras.
• 3Use filtro solar diariamente.

E um dos grandes erros cometidos pelas nossas clientes está em não utilizar o Protetor Solar, pois em dias nublados os raios UVA e UVB ainda atravessam as nuvens. Devemos usar e orientar nossas clientes a importância do uso e sempre respeitar o tipo de pele. Para a seca escolha creme ou loção cremosa; para pele oleosa, gel ou oil-free; e para as mistas utilize gel-creme.
Um excelente inverno, com muita hidratação!

Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Massagem Detoxificante

Saiba tudo sobre a detox massage

7 de agosto de 2015 por Luciana Marques

Esse é um tema que está em alta ultimamente, na mídia, nas revistas e quando se fala na palavra DETOX  as cliente elas ficam enlouquecidas para iniciar um tratamento, mas não sabem na verdade o que  realmente a desintoxicação faz em seu organismo.

Quando pensamos em massagem desintoxicante, logo nos vem a cabeça eliminação de gordura localizada e emagrecimento. Bom, na verdade, vai muito mais além, e  você precisa ter o conhecimento em:

  1. Ficha de anamnese (DIÁTESE), entrevista com sua cliente detalhada para você saber qual oligoelemento está em falta, como funciona o metabolismo (se é lento), hábitos alimentares, incluir na ficha uma avaliação sensorial.
  2. Princípios ativos: que ajudam a desintoxicar, aquecer, vascularizar e de ação termogénica;
  3. Geoterapia, porque? Estamos acostumados a usar a argila verde, mas precisamos saber que  outras cores de argilas também podem ser utilizadas e que dependendo da diátese de nossa cliente a argila verde não é indicada. Então precisamos saber qual a cor correta para a aplicação dentro de um protocolo personalizado e individualizado.
  4. Aromaterapia – existem óleos essenciais que são altamente desintoxicante e nos auxilia juntamente com as argilas.
  5. Massagem: de acordo com a diátese da cliente saberemos que tipo de massagem será realmente eficaz no tratamento.
  6. Orientação nutricional que consiste em apresentar para nossa cliente uma opção de cardápio desintoxicante, natural e orgânico, e a complementação de alimentos como fibras verdes escuras (altamente desintoxicante) sucos que tem ação de desintoxicar e antioxidante, levando sua cliente a experimentar novos alimentos e re-educando novos hábitos alimentares.

Como se trata de um procedimento natural de desintoxicação orgânica, não utilizamos aparelhos de eletroterapia, somente técnicas manuais e naturais.
Seguindo esse passo a passo iremos montar um protocolo personalizado e exclusivo para cada cliente e assim em consequência teremos resultados mais que satisfatórios.

Como funciona esse tratamento do inicio ao final do programa.

A cliente passa por uma avaliação técnica, que consiste em entrevista de uma hora, para que possa ser montado um programa de tratamento personalizado e individualizado.
Esse programa de tratamento não é uma receita de bolo, e nem muito menos um protocolo pronto, você profissional precisa ter noções básicas de técnicas de massagem modeladora, drenagem linfática, massagem ayurveda, saber a sobre os cosméticos e seus princípios ativos (ter amplo conhecimento de geoterapia e aromaterapia) e nutrição estética funcional. Somente assim você montará o programa de acordo com as necessidades reais de sua cliente. E obter resultamos muito mais satisfatórios.

Porque desintoxica e como?

  • Primeiro porque usamos cosméticos naturais e orgânicos, sem adição de metais pesados e substâncias que intoxicam o organismo do ser humano.
  • Segundo, porque orientamos sucos detox e complementos naturais com fibras verdes que auxiliam no tratamento e ajudam a eliminar até 7 kilos em um mês. Sua cliente faz o programa de tratamento em seu consultório e continua todo processo home care com a ingestão dos sucos detox e as fibras verdes, além de usarem um cosmético específico para combater celulite e flacidez no conforto do lar dela.
  • Terceiro, depois de ser feito a diátese (Ficha de Anamnese detalhada) montamos um programa de tratamento personalizado, com massagens, aplicação de argila (dependendo de cada diátese,é uma cor de argila diferente), acrescentado com óleos essenciais, bandagem com cosméticos que em sua composição temos princípios ativos que estimulam e ativam a circulação.

Como Funciona?

A maioria das pessoas acham que quando emagrecemos ou eliminamos medidas em uma sessão de massagem a gordura sai pelas fezes ou pela urina, mas não é nada disso. A expressão “queimar gordura” vai muito além de um simples ato de eliminar as fezes e a urina a maior parte da gordura sai do nosso corpo na forma de água e gás carbônico.
Nosso corpo é movido por glicose, um tipo de açúcar que funciona como combustível no organismo. Na falta de glicose, a gordura acumulada é usada como fonte de energia. Sua utilização não é direta, a gordura é “quebrada” e se transforma em moléculas de oxigênio, carbono e hidrogênio. O oxigênio obtido é queimado (por isso dizemos que “queimou gordura”) e se transforma em energia liberando dois subprodutos: CO2, que sai pelos pulmões, e água, eliminada no suor e na urina. É por causa disso que as pessoas que estão emagrecendo fazem mais urina e é por isso também que os exercícios aeróbicos, que nos fazem respirar mais rapidamente, são os que nos fazem perder mais peso.
O processo funciona assim: quando a glicose está baixa, as células de gordura liberam os triglicerídeos, que contêm oxigênio, hidrogênio e carbono. Através de diversas reações bioquímicas em presença do oxigênio vindo da respiração, eles viram energia (ATP) e podem passar pela membrana das células. O ATP é queimado e se transforma na energia que o organismo estava pedindo. Essa queima tem dois subprodutos: água e gás carbônico. A água sai pela urina e pelo suor. O carbono que sobra se junta ao oxigênio e vira CO2, que retorna aos glóbulos vermelhos e vai parar nos pulmões, e dali é expelido pela respiração.
Por isso obtemos muito mais resultados em nossos tratamentos de desintoxicação, naturalmente saudável, eficaz e duradouro. Detox Massage ou Massagens desintoxicante com orientação alimentares e técnica é uma grande tendência para os profissionais de estética, naturologia, fisioterapia, terapeutas complementares.

GRATIDÃO!

Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Ativos Naturais ou Sintéticos, eis a questão!

Crescimento no mercado de cosméticos impulsiona os produtos à base de ativos naturais. O que você sabe sobre eles?

3 de novembro de 2014 por Luciana Marques

 

Ativos Naturais ou Sinteticos

A partir desta edição, abordarei na Revista Negócio Estética um assunto que gosto muito, porém, ao mesmo tempo, sei que muitos profissionais têm dúvidas sobre ele: Ativos sintéticos ou naturais?

Como se trata de uma pauta extensa e rica em detalhes, dividi em pequenos textos, para facilitar a sua compreensão e ajudar você, leitor, a aprender mais sobre esse fabuloso mundo dos ativos!

Atualmente, cresce mundialmente a chamada “onda verde”, isto é, o interesse pela utilização de produtos naturais, tanto do ponto de vista farmacológico como dos cosméticos. Percebemos que a demanda de cosméticos naturais é cada vez maior e os nossos clientes se preocupam muito mais com a saúde da pele. Cada dia que passa, surgem novos cosméticos. Como saber qual é o melhor ou o que ter em cabine para atender a esse nicho de mercado tão seletivo?

Por isso, é importante o entendimento claro do conceito de ativo, seja qual for sua procedência: Natural ou sintético.

Uma formulação ou composição cosmética contém substâncias ou grupos de substâncias com as seguintes categorias: veículo, ativos, conservantes, corretivos, corantes, pigmentos e ainda perfumes ou óleos essenciais.

Os ativos são substâncias químicas ou biológicas (sintéticas ou naturais) com atividade comprovadamente eficaz sobre a célula do tecido, enquanto o veículo é responsável pelo transporte, pela forma cosmética e, finalmente, por garantir a melhor penetração na pele. O ativo também promove uma determinada ação específica sobre a célula: Hidratação, nutrição, cicatrização, revitalização, entre outras.

Desta forma, há cosméticos de ação adstringente, com ativos de extratos vegetais ricos em taninos; de ação anti-inflamatória, com alfa-bisabolol; de ação antisséptica, como é o caso do tea tree oil, dentre outros. Podem ser de origem vegetal, animal, obtidos sinteticamente ou por biotecnologia.

A partir de agora, vamos entender um pouco melhor sobre esses ativos naturais:

Extratos: São preparações líquidas obtidas pela extração de seus ativos por diversos métodos, veiculados geralmente em propilenoglicol, que originam os extratos glicólicos – muito utilizados em produtos cosméticos;

Óleos fixos vegetais: são obtidos dos frutos ou apenas das sementes e são ricos em triglicerídeos (fração saponificável). A fração insaponificável é heterogênea, e nela encontra-se: Esqualeno, fitosterois, provitaminas e vitaminas lipossolúveis, principalmente as vitaminas A e E. É uma fração muito importante para a cosmética, e muitos dos óleos utilizados têm seu valor exatamente por contê-la. São utilizados na cosmética sobretudo por suas propriedades de emoliência, o que evita o ressecamento da pele;

Manteigas: São ricas em ácidos graxos, esteróis e vitaminas. As principais são:

  • Manteiga de cupuaçu: É obtida através das sementes da Theobroma grandiflorum. É um produto da Amazônia, naturalmente refinado;
  • Manteiga de oliva, manteiga de abacate, manteiga de manga: Têm ação antioxidante e auxiliam no tratamento da pele envelhecida, graças à suas     propriedades emolientes e revitalizantes;
  • Manteiga de cacau: Feita a partir das sementes do cacau, é constituída principalmente de glicéridos do ácido palmítico e oleico. Possui propriedades emolientes;
  • Manteiga de karité: Obtida de sementes da Butyrospermum parkii K (Shea), árvore de origem africana. Rica em lipídios (45% a 55%), a manteiga é constituída por uma mistura equilibrada de ácido oleico e esteárico. É muito utilizada para massagem corporal e emoliente para cabelo. É nutritiva (antirrugas), emoliente, age como protetor solar e atua como coadjuvante na elasticidade cutânea;
  • Manteiga de shorea (Shorea butter): Cera sólida, seu uso é similar ao da manteiga de karité. Não é oleosa ao tato e é suave à pele;
  • Manteiga de bacuri (Plantonia insigns): É indicada para hidratar peles cansadas e também apresenta eficácia em tratamento contra acne;
  • Manteiga de ucuuba (Virola surinamensis): Por sua comprovada ação anti-inflamatória, cicatrizante e antisséptica, é indicada para peles oleosas e acneicas.

O mercado de cosméticos está em crescente ascensão, principalmente com os princípios ativos naturais. Desta forma, se faz necessário o uso correto de cada produto novo lançado.

Obter mais informações e uma maior consciência sobre a utilização desses produtos é o principal papel do profissional, para que ele possa levar as tendências de cosméticos naturais para os seus clientes.

No próximo artigo, abordarei quais os perigos de usar cosméticos de forma inadequada. Deixe o seu comentário ou sugestão.

Fonte Foto Destaque: http://www.naturallyyouskincare.com/wp-content/uploads/Night_Creme.jpg?w=95&h=63

Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

A Naturologia de mãos dadas com a Estética

Este estudo trabalha como um complemento aos tratamentos estéticos

11 de setembro de 2014 por Luciana Marques

A Naturologia é uma profissão da área da saúde que utiliza métodos naturais, tradicionais e modernos de cuidado com o ser humano. Visa à promoção, manutenção e recuperação da saúde, a melhoria da qualidade de vida, o equilíbrio do ser humano com o meio em que vive e a saúde estética, bem como a estética física.

Você deve estar se perguntando, como a naturologia pode caminhar junto com a estética?

Desde 2010, percebe-se como cresceu os centros estéticos chamados “Spa urbano”. Esses espaços são centros onde a cliente encontra todos os tipos de tratamentos, desde o tratamento estético “redução de medidas”, “laser”, “hot Stone, “massagem ayurvédica”, etc. Sua decoração é toda voltada para a natureza, com sons de água e pássaros. Atendentes impecáveis que servem chás, águas aromatizadas, comidinhas integrais e uma série de protocolos visando à saúde, qualidade de vida, bem estar e acima de tudo a estética. Adiciona a isso os modernos aparelhos de estética e a busca sem fim pelo corpo perfeito.

Hoje em dia a procura por tratamentos complementares, “naturais”, é muito grande, em parte devido à mídia e aos programas de TV que abordam cada vez mais temas saudáveis e tratamentos naturais. Por outro lado, nossas clientes estão atentas a todas essas informações e nós, profissionais de estética, precisamos nos atualizar e buscar cada vez mais conhecimento para atender a esse público.

Muitos profissionais pensam que trabalhar com a estética natural significa fazer máscaras de frutas com legumes e aplicar na cliente. Mas na verdade usamos produtos regulamentados pela ANVISA. Pode-se sim fazer um tratamento estético natural para redução de medidas e também uma limpeza de pele sem aparelhos e sem dor. Como?

Atualmente existem cosméticos regulamentados em que se podem realizar todos os tratamentos estéticos de forma natural, orgânica, saudável e totalmente livre de parabenos e metais pesados. Pode-se estruturar muitos protocolos com argilas, óleos vegetais e óleos essenciais que são os grandes aliados da estética natural. Esses componentes são naturais e todos regulamentados. Muitas marcas de cosméticos perceberam essa evolução e saíram na frente com produtos totalmente diferenciados.

Meu objetivo é conscientizar os profissionais de estética, trazer mais informações sobre o fantástico mundo da naturologia, esclarecer algumas dúvidas, bem com mostrar que é possível trabalhar com muita seriedade e qualidade na estética natural.

Nos próximos artigos vou abordar técnica de estética natural. Adoraria que você esteticista me enviasse suas dúvidas ou até mesmo sugestões de temas. Gosto muito de interagir com as pessoas, principalmente amigas de profissão.

Muito obrigada, uma excelente semana e muita prosperidade a você!

Compartilhe

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS